fbpx

Dicas para evitar giárdia em cães e gatos

Levar seu cãozinho para passear próximo a outros animais expõe-o a diversas infecções. Uma das mais comuns é a giardíase, causada pelo protozoário Giardia lamblia.

A doença pode ser transmitida por animais e humanos, e ocorre quando há ingestão de água ou alimentos contaminados. Como seus sintomas incluem diarreia, vômitos e dor abdominal, a giardíase pode ser confundinda com outras doenças intestinais e tratada da maneira incorreta. Por isso, é importante identificá-la rapidamente e, principalmente, preveni-la.

Desinfecção da casa

A dificuldade do combate à giardíase é que o animal pode se reinfectar, isto é, se seu cão ou gato já tiver o protozoário, liberar os ovos no ambiente e se lamber, ele pode contrair a doença novamente. Por isso, retire as fezes imediatamente e faça a desinfecção do local.

O desinfetante bactericida, germicida e fungicida Vet+20 é formulado com tensoativo amônia quaternária, que elimina o Giardia lamblia do ambiente. Vet+20 é o único com 20% de concentração, excelente na desinfecção profunda e higienização da casa, a fórmula definitiva para segurança da sua família.

É muito importante que os ambientes onde o animal vive e se alimenta estejam sempre limpos.

Previna-se da contaminação

Ao chegar em casa, nosso impulso é agarrar o pet, né? Porém, podemos acabar passando doenças para ele. Viemos da rua e nossas mãos estão sujas. A primeira coisa a fazer é lavar as mãos, evitando contaminar os cães e gatos. Quem tem criança pequena em casa também deve educar os pequenos a lavar bem as mãos.

Outra forma de proteger o animal da giardíase é a vacina. Como mencionado, os animais podem se reinfectar, por isto é importante vacinar os peludos anualmente.

No Comments

O que você achou?